25.11.05

Em que ficamos, sobre Pinochet?

Dois liberais divergem sobre Pinochet.

Para jcd , co-autor do "Blasfémias":

- "Desapareceram cerca de 3000 pessoas durante o regime de Pinochet."
- "A falta de liberdade e a violência gratuita nada têm a ver com liberalismo.
- "O que havia (e há) no Chile era liberdade económica, apenas."

Mas sob o seu governo "o Chile tornou-se no país mais rico da América Latina."

Para Cláudio Tellez, chileno e co-autor de o "O Insurgente":

- "dessas 3000 pessoas desparecidas citadas em outro comentário, pelo menos dois terços "desapareceram" de armas na mão, lutando contra os militares."
- "os militares chilenos agiram corretamente eliminando os extremistas de esquerda e reestabelecendo a ordem, mas não podemos esquecer que nem todos os desaparecidos desapareceram dessa maneira."
- "Pinochet (...) foi (...) responsável pelo fim da experiência socialista chilena, que de via pacífica não tinha nada - já que o extremismo de esqueda cobrava vítimas no Chile pelo menos desde a década de 1960 e o governo de Salvador Allende tornou-se inconstitucional."


Uma pergunta. Será que isto não é demasiado polémico, Claudio Tellez:
- "Aplaudo a eliminação dos extremistas, terroristas e outros criminosos da esquerda que agiram no Chile, mas condeno a eliminação dos que não fizeram nada além de manifestar suas idéias e convicções."

Vejam os comentários completos: aqui

2 Comments:

Blogger Claudio Tellez said...

A minha posição é polêmica, mas isso não me incomoda nem um pouco. Durante todo o governo de Allende, houve excessos da parte de extremistas que receberam apoio e cobertura do governo. Houve ingerência de Cuba e da URSS em assuntos internos do Chile e, além disso, parece que há revelações recentes, vindas de documentos soviéticos recém-disponibilizados (ainda não comprei o livro, mas pretendo fazê-lo em breve), de que o próprio Allende recebia um "mensalão" do KGB.

11:46 da tarde  
Anonymous Español sensato said...

Los chilenos son los que saben lo que pasó y los únicos que pueden juzgar con conocimiento de causa...

9:23 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home