24.1.06

Os portugueses em Paris (retratos-robô): Laurent Simões.

Foi há trinta et trois annés que pegou na valisa e saltou a fronteira. Era então um jeune homem. Havia chômage, mas ele tinha sempre quelque chose a faire. Atilado e competent, demorou longtemps a a regressar a Portugal. Chegou a morar num bidonville, mas finalement comprou um bom autô, pôs-se na autoroute e veio construir a maison com que sonhava. Já não tem familiares na sua terra, mas revient todos os anos, em Juillet, com o Jacques e o François.

Afinal, teria um grande desgosto se os seus filhos não parlassem português.