25.9.06

As excepções.

No repugnante cenário de corrupção e nepotismo que envolve Portugal (um panorama de que o PS devia ter vergonha, e no qual possui particulares responsabilidades) é bom saber que há gente capaz de virar a mesa: Sá Fernandes em Lisboa, Moita Flores em Santarém e Macário Correia em Tavira, salvo melhor opinião, parecem pertencer a esse grupo de pessoas. São justiceiros? Não, são simplesmente honestos. Com duzentos autarcas assim deixávamos a Roménia para trás.

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Eu cá não punha as mãos no fogo...

12:39 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home