5.9.06

Top mais ou menos.

O Arte da Fuga deu-me a conhecer um top da blogosfera nacional, elaborado pelo pubaddict. Eis os dez primeiros classificados:

1- Blasfémias
2- Abrupto
3- Causa Nossa
4- O Insurgente
5- Rua da Judiaria
6- Blogotinha
7- Blogue dos Marretas
8- Gato Fedorento
9- A Arte da Fuga
10- Mar Salgado

Além das perguntas óbvias (onde andam o Da Literatura e o Glória Fácil, o que é feito do Bomba Inteligente ou do Estado Civil?), sobram as inquietações para o connoisseur: porque é que o Bundablog não está, como deveria, em primeiro lugar? Será que o público, terminado o mundial de futebol, abandonou o Megafone? E os Contos Eróticos (cada gotícula entranha-se nos poros que respiram prazer e depois… penso em ti. E desejo-te, desejo-me, toco-me como se fosses tu e deixo que o pensamento do teu cheiro penetre a minha essência e me eleve em ondas que me transportem até aos teus lábios, para que me beijes profundamente…)? Os portugueses já não querem ser lânguidos, banhar-se em pétalas de rosa, fazer amor? E onde estão o H5Porcos, o Renas e Veados, o Salsa e Pimenta, todos esses blogs rosa, sempre tão populares, que faziam as delícias dos nossos marialvas? Será que os chefes de família lusitanos se cansaram de ficar até mais tarde no escritório a espreitar para homens nus? Mais importante ainda, o que aconteceu à A Funda São? O país deixou de ler a Qrònica do Nelo, a Cisterna da Gotinha, todos os interessantes relatos sobre mentiras femininas?

Algo me diz, caros leitores, que há qualquer coisa de errado neste top. Parece-me um daqueles onanismos que se organizavam entre adolescentes, uma exibição um pouco melancólica das qualidades, ou melhor, das normalidades de cada um (o meu é maior que o teu, não não é, então vamos lá medir, etc): o certo é que, do ponto de vista científico, esta classificação não vale nada. Prefiro o velhinho Blogómetro, tão indiferente à ideologia e à moral, e capaz de nos mostrar sem pundonor o que era suposto: aquilo que o nosso povo gosta de ler.

7 Comments:

Anonymous Bruno Ribeiro said...

Se der uma vista de olhos ao relatório onde se encontram os dados dos 102 blogs analisados verá que encontra praticamente todos esses que referiu.

abraço

2:32 da tarde  
Blogger Joshua said...

Pois, mas pessoalmente não vou em ondas artificiais e cheias de imponderável subjectividade, como a neste post enunciada: os meus blogues preferidos são este, O Franco Atirador, o Portugal dos Pequeninos, e claramente o Da Literatura.

Mas acima de todos o meu.

8:59 da tarde  
Blogger Luis M. Jorge said...

Isso é que é falar joshua. de qualquer modo eu recuso-me a acreditar num top que coloca o "blasfémias" na primeira posição.

11:39 da tarde  
Blogger zazie said...

Os blogues não têm qualquer importância. Os templates sim. Por falar nisso, como não tens mail pergunto aqui: estás interessado num template? Se não estiveres boto no cocanha e é para quem o agarrar.

4:12 da tarde  
Anonymous Lowlander said...

"eu recuso-me a acreditar num top que coloca o "blasfémias" na primeira posição."

Eu mais pragmaticamente recuso-me a viver num pais em que fauna como a que regurgita o "blasfemias" cria escolas de pensamento e "modelos" para ser em seguidos pela escol (ou como eles se auto-intitulam "elite").
O esgroviado do Dragoscopio desmonta bem as patetices que eles debitam. Nao lhe invejo a tarefa, esgravatar em tanta bosta para analisar deve ser uma tarefa nauseante. Nao figura na lista, nao e acaso.

7:11 da tarde  
Blogger Luis M. Jorge said...

obrigado zazie, mas eu gosto do meu template. é modesto, mas sinto-me em casa dentro dele.

12:47 da manhã  
Blogger São Rosas said...

Os tops a mim não me dizem nada. Mas as tuas palavras, sim, deixam-me molhadinha... hmmm...
E parabéns pelo template. Está um miminho, dando destaque ao que realmente interessa e com uma leitura que não cansa.

12:50 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home