31.10.06

Sondagens e palpites.

Um leitor esclarece em comentário que, segundo uma sondagem do DN, entre os apoiantes do não a maioria são mulheres. Bem, eu confesso que não vi essa sondagem. Mas se ela for nacional e incluir amostras representativas das viúvas beirãs e transmontanas, não tenho dúvidas que assim é: não só apoiam o não, como também apoiariam, se lhes perguntassem, o saudoso El Rey Dom Miguel.

11 Comments:

Blogger Jardim do Arraial said...

Você tão depressa repudia (e bem) os comentadores que são mal educados consigo, como vem tecer considerações às "viúvas beirãs e transmontanas", como se estas encarnassem algum bloqueio mental crónico.

Aqui não se aprende nada, já vi.

9:05 da tarde  
Blogger Luis M. Jorge said...

Bom, leitor, eu não tenho vocação de mestre-escola.

9:07 da tarde  
Blogger João Pedro said...

Conhece muitas viúvas beirãs e transmontanas, para presumir o pensamento delas?

12:15 da manhã  
Blogger Luis M. Jorge said...

Beirãs, sim, transmontanas não. São muito diferentes?

10:41 da manhã  
Blogger Echoes said...

Irra! É assim tão difícil entender uma quase metáfora? Já não se pode dar um espirro sem que venha alguém sentir-se ofendido! E para mais, quem conhece este nosso país sabe bem que é a verdade! Quais as mulheres, no que costumam chamar de "Portugal profundo" (o que não deixa de ser ridículo dadas as dimensões deste pedacinho de terra), que têm, mesmo nos dias de hoje conhecimento suficiente sobre esta matéria, ou muitas outras, para fazer uma escolha em plena consciência? O facto de a maior parte de nós, dos que lêem e escrevem por estas bandas, saberem tanto sobre tantas coisas, ou aparentarem saber (mas isso já é outra história) não significa que a maior parte do país seja assim.

8:18 da tarde  
Blogger Luis M. Jorge said...

bem dito, echoes.

12:08 da manhã  
Blogger Ricardo Sebastião said...

o problema dos democratas frustrados é tratarem o eleitorado como estúpido...

12:43 da tarde  
Blogger Luis M. Jorge said...

Não se esqueça daquelas criaturas que, por serem estúpidas, pensam que são democratas.

2:12 da tarde  
Blogger Pedro Picoito said...

Caro Luís, respondo-lhe a este post no Blogue do Não. Estou a gostar do debate.

4:41 da tarde  
Blogger João Pedro said...

Eu conheço bem as mulheres transmontanas (aliás sou filho de uma). E garanto que elas sabem bem mais do que os habitantes do "litoral" possam pensar.

1:25 da manhã  
Blogger Jardim do Arraial said...

Para o autor deste blog, mulher matarruana é aquela que é contra a IVG, que no imaginario do senhor vive no "Portugal profundo".

Mulher moderna, sofisticada e culta deve ser aquela que defende o aborto e o livre dispor sobre o corpo.

Veja lá não se case com uma que lhe aborte os filhos, porque o corpo não é seu...!

11:19 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home