23.11.06

Monólogo.

Dispenso, descobri hoje, apresentações. Ao fim de um ano, pouco mais, de blogosfera, incluindo um mês de intermissão enfastiada, um projecto colectivo falhado em quinze dias, não por culpa inteiramente minha, é certo, mas por meia culpa quase inteiramente minha, depois de um regresso morno, com o rabinho entre as pernas, à casa que fez de mim, publicamente, um homem, se é que podemos chamar público a 245 leitores diários, possivelmente a descer, depois de toda esta triste história de insucessos mal atamancados, ou pior, de duvidosos brilharetes, eu, tal como as velhas estrelas no Natal dos Hospitais, tal como o Marco Paulo, tal como a Ágata, tal como o Clemente, tal como a pequena Maria Armanda, também dispenso apresentações. Que achas disto, boneco Donald? Não queres falar com os senhores? Hmmm? Estás eufónico?

2 Comments:

Blogger Humberto Brito said...

Caro franco atirador,
"Dispensa apresentações" quer dizer que eu cheguei atrasado e não lhe chego aos calcanhares.
Parabéns pelo seu blogue.
Humberto Brito.

11:25 da tarde  
Blogger Luis M. Jorge said...

Não seja modesto Humberto. E obrigado.

12:27 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home